Pinterest: Fonte de inspiração!


Sabe aquele mural de cortiça que a gente enchia com fotos de pessoas que amamos, ou de lugares que gostaríamos de um dia visitar, ou até mesmo dos posters de nossos ídolos que lotavam a nossa parede?

Pois o Pinterest, essa rede social criada em 2009 e que está super em evidência atualmente, é baseado nessa ideia. O termo que dá nome a esse programa é a fusão das palavras em inglês Pin (alfinete) e Interest (interesse), justamente remetendo à “mania” que temos de juntar referências de nosso interesse num mural.
É uma ferramenta totalmente visual, onde a parte escrita (geralmente são frases pequenas) ficam em segundo plano, como um complemento à imagem, que é o seu foco e destaque.
Eu comecei a usá-lo tem pouco tempo, criei painéis para pinar algumas inspirações de looks, maquiagens, coisas de casamento e também decoração de espaços para casa, mas para falar a verdade ainda sou café-com-leite porque não explorei todas as suas funcionalidades.
Sentindo essa necessidade e vendo que algumas pessoas próximas também tem a mesma dificuldade, resolvi fazer esse post como um tutorial de iniciação ao Pinterest. Então, bora explorar essa maravilha!
Aqui no Brasil, o uso desse aplicativo ainda é pouco difundido, mas a quantidade de cadastrados está crescendo em larga escala. Pode ser baixado gratuitamente e, para fazer o login, é só sincronizar com a sua conta no Facebook ou Twitter, ou até mesmo por uma conta de e-mail.

No primeiro acesso, a rede social pede que você clique nos assuntos de seu gosto para que você ganhe 
novos seguidores que também curtem as mesmas coisas que você. Em seguida, é oferecida uma lista de usuários para você seguir e também mostra quais dos seus contatos de outras redes seus estão lá também.
Feito isso, você pode criar seus murais de acordo com seus gostos pessoais, dar nomes a eles que sejam fáceis de identificar do que se tratam. Eu, por exemplo, nomeei os meus como “Cortes de cabelo”, “Make”, “Penteados” e assim por diante. Depois disso feito, o próprio site começa a indicar logo na sua primeira página algumas fotos que talvez você curta. Você pode adicionar essas fotos ao mural correspondente clicando em Pin it. Também é possível replicar a foto (como se fosse o repost do instagram) clicando em REPIN, ou ainda curtir aquele pin clicando em LIKE.
Caso você queira postar alguma foto que você tem armazenada no celular/tablet/computador, clique em UPLOAD A PIN e selecione a imagem.

Basicamente, esses são os primeiros passos a serem dados para ingressar no mundo dos Pins.
Eu costumo pesquisar (clicando na lupa) usando palavras-chave. Por exemplo, quando tenho uma peça de roupa, mas não sei exatamente como combiná-la ou quando quero usá-la de forma diferente, jogo o nome dela no campo de pesquisa e instantaneamente o aplicativo me traz uma infinidade de opções. Aí é só salvar as favoritas no mural e abusar das composições no dia a dia. Uma vez guardadas no mural, pode acessá-las sempre de maneira fácil e rápida.

E aí, acharam fácil? Tem alguma coisa que querem complementar?

Vou pesquisar sobre suas outras funcionalidades e montar um novo post com mais informações, ok?

Um beijo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário e pela visita!

Se seu comentário for uma pergunta, pedimos que deixe um e-mail de contato, pois não conseguimos responder comentário anônimos!

Ju e Thata

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Sem firulas © Layout criado por: Algodão Doce Design
imagem-logo